Campinas se prepara para a 9ª edição do Festival Gastronômico

 Tema ‘Brasil: um mundo de sabores’ será a diretriz às receitas oferecidas em mais de 20 restaurantes. Esquinica participa com um menu especial para os jantares!

Campinas se prepara para receber mais uma edição do tradicional evento gastronômico da região. A 9ª edição do Festival Gastronômico de Campinas e Região se inicia no dia 16 de julho, com encerramento programado para 06 de agosto, e adesão de mais de 20 restaurantes que, durante todo o período, oferecerão cardápios a preços especiais e pré-definidos (com entrada + prato principal e sobremesa), a excelente custo-benefício de R$54,90.

Este ano os menus serão criados a partir do tema “Brasil: um mundo de sabores” e, a cada receita, os conceitos que o permeia estarão presentes à mesa. Entre os participantes anuais estão o tradicional mediterrâneo, Bellini Ristorante, e o contemporâneo Esquinica, ambos administrados pela rede hoteleira, Vitória Hotéis, de Campinas.

Quem quiser conhecer o menu servido pelo Esquinica, a partir do dia 16, basta conferir o cardápio completo abaixo! Vale lembrar que este cardápio temático, a preço diferenciado, permanecerá  disponível somente durante o período do jantar e que o festival se encerra na primeira semana de agosto.


Entrada
Creme de abobora cabotiá assada com queijo de coalho

Pratos Principal
Mignon grelhado com crosta de castanhas, servido na manteiga manauense e purê de banana da terra

Sobremesa
Pudim de Tapioca

Batata Rösti Prática

C

Não é panqueca, mas, recheia que é uma beleza, não é fritada, mas o gosto  e a textura das batatinhas tornam-se a base da receita. A batata Rösti é típica da Suíça e bem aceita pelos paladares brasileiros por ser prática, gostosa e bonita de se ver.  Embora fácil alguns truques ajudam a deixá-la um bocado mais crocante e sem aquele gosto residual de óleo, ( que pode rondar o prato vez ou outra e estragar toda a graça). As dicas, desta releitura prática, são do francês Jonathan Wehrung, chef executivo da Rede Vitória Hotéis, de Campinas.

Anote!

Antes de começar tenha em mente:

– Na frigideira (mesmo que seja antiaderente), utilize uma colher de manteiga. De acordo com o chef é a manteiga, de boa qualidade, que atribuirá sabor extra ao prato!
– Use farinha de trigo para dar liga! Só um tico, polvilhada: o suficiente para deixar as batatinhas, que já são fininhas, mais unidas na hora de fritar e ainda mais crocantes (com uma casquinha dourada).
– Cebola roxa para dar aroma: vamos utilizar a cebola roxa fatiada, junto das batatas raladas.

Preparando:

Rale 150g de batatas cruas, sem casca. Fatie 01 cebola roxa média em espessura similar. Misture as batatas à cebola e tempere tudo com sal, pimenta do reino e tomilho a gosto.
Aqueça a frigideira com a manteiga e arranje, em todo o fundo da panela, as batatas raladas com a cebola; é nessa hora que você vai polvilhar a farinha para dar a liga. Deixe fritar (em fogo baixo) por 05 minutos cada lado e está pronta para rechear! Você pode fazer duas batatas e dispôr uma sobre a outra (como um sanduíche: recheio no meio), ou fazer uma base e deixar o recheio por cima.

Dá pra recheá-la com peito de peru, presunto e queijo, muçarela de búfala e tomate seco, frango desfiado com cream cheese… enfim, milhares de possibilidades para testar! Aqui o chef utilizou um corte de picanha suína com creme de leite fresco e maçãs e serviu a batata Rösti cortada em triângulos, (delicioso!)